domingo, 25 de setembro de 2016

sábado, 24 de setembro de 2016

É Hoje!

AND IT'S OUR WEDDING!!!
HAPPY HAPPY HAPPY :)

quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Casamento #11

Faltam 2 dias!
E pronto... este será o último post pré-casamento, pois nestes próximos dois dias não vou ter tempo nem cabeça para passar mais por cá. Hoje de manhã, é dia receber os primeiros hóspedes e seguir para a esteticista, manicure e pedicure. Amanhã, é dia de arranjar a igreja e a sala do hotel, e receber os restantes hóspedes. No meio de tudo isto, ainda tenho as obras da minha casa que acabam hoje à tarde e uma limpeza geral agendada para amanhã. No final de tudo isto, NÓS CASAMOS e VAMOS EM LUA-DE-MEL (bem merecida!)!

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Epifania

Vou ali CASAR e já venho... daqui a dezoito dias...

True

Verdade verdadinha... e eu sou um bocado assim.

Girls' stuff #74

Agora que o tempo começa a ficar mais fresco, está na hora de começar a pensar no calçado da próxima estação, e vejam lá como são giros qualquer um dos Vans abaixo. Calçava qualquer um deles, ou todos até...
 
 
 
 
 
 
 
 

Casamento #10

Faltam 3 dias.
Pormenores que afinal não são pormenores nem são poucos... Desde os convites, às lembranças para os convidados, passando pelas argolas de guardanapo, os adereços para as cadeiras, os cones para as pétalas, os missais, os cartões de agradecimento, o livro de honra (que não é um livro), um quadro com fotos nossas, os marcadores para as mesas, o quadro com a disposição das mesas e até as ementas (personalizadas por nós) - tudo foi preparado e feito por nós, com muita paciência, mas também com muita alegria, pois, afinal, é tudo para celebrar o nosso dia. Além de tudo isto, há ainda tudo o que são acessórios, não só para a noiva, como também para o noivo, o menino dos anéis e as meninas das flores. E outros tantos detalhes que têm que ser acertados com o hotel, o padre, a igreja, o dj, o fotógrafo, a florista, etc...

terça-feira, 20 de setembro de 2016

Despedida de solteira #2

Foi um dia super bem passado com as minhas meninas. À tarde, uma massagem completa no Hotel Terra Nostra, seguida de piquenique e banho na Poça da Beija, terminando com uma cerveja bem fresca no já famoso Lagoinha. Tempo de descanso e banho para depois jantar com mais meninas. Adereço, uma simples bandolete com flores para cada uma (eu bem avisei que não queria véus nem nada do género) e um jogo engraçadíssimo sobre "Quem conhece melhor a noiva?" - o que me ri com as respostas! Depois, lá fomos correr algumas capelinhas e, que posso dizer mais além de que, foi uma noite demoníaca e super divertida.
Eu sobrevivi!

Baby Kaipi #198

O seu primeiro dia de Educação Física este ano letivo e todo contente com o seu equipamento novo. Atenção que são 8h30 da manhã e a boa disposição e energia já estão no auge.
19.09.2016

Sweet Honeymoon

Sabemos que está quase, quando recebemos logo de manhã um e-mail com a mensagem abaixo:

Para animar...



Adoro a música e o vídeo está excecional!

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Aleluia!

2016 Emmys Best Dressed Celebs
(ainda há gente com tino e bom gosto)
 
 
Como habitual, é sempre mais difícil encontrar gente com bom senso e vestidos bonitos, mas encontrei estas meninas. O primeiro vestido pode gerar alguns mixed feelings, mas adorei-o.

WTF!!

2016 Emmys Worst Dressed Celebs
(just my own and humble opinion)
 
 
 
 
 

Brunch

Há lá melhor coisa que nos sentarmos a uma mesa cheia de coisas boas para comer e beber sem termos hora nem pressa de nos levantarmos?! Falo-vos de uma maravilhosa mistura de pequeno-almoço com almoço, ou melhor, a mix of breakfast and lunch - o já famoso brunch. Sou uma pessoa de pequeno-almoço. Quando vou para um hotel, não quero saber do quarto, da piscina ou das 1001 salas que poderá ter, mas sim do pequeno-almoço. Anseio pela hora de me sentar à mesa e ter aquele frenesim de escolher o que comer – croissants, pães-de-leite, bolos, queijo, fiambre, iogurtes, fruta, café, café com leite, sumo de laranja. Agora, imaginem juntar tudo isto ao que temos ao almoço, com o fato de não termos que acordar tão cedo e não termos que nos despachar porque a seguir há que tratar do almoço. Não! Just relax and enjoy. Agora, que tenho um horário de trabalho que me permite estar em casa aos fins de semana, tenho que implementar fazer um brunch pelo menos uma ou duas vezes por mês. Junto um bolo, umas panquecas e uns scones, tudo caseirinho. Já estou a salivar...

domingo, 18 de setembro de 2016

Casamento #9

Faltam 6 dias.
Ai o bolo!... Outra coisa, que primeiro era duma maneira, depois passou para outra e no final ainda vai é ser doutra. O sabor: antes era cubano, mas noivo e pai da noiva não gostaram do sabor a coco. Toca a mudar. Agora é (e será) de caramelo, com recheio de leite condensado e nozes. O exterior, que é ainda o mais importante, passou por vários modelos e, ainda hoje, tenho as minhas dúvidas, mas já está decidido e nada mais vou mudar... acho eu... Simples, com três andares, uns lacinhos, umas pérolas e está feito. O segredo: é não pensar mais no assunto e riscar da lista. Done!

sábado, 17 de setembro de 2016

Despedida de Solteira #1

No meio de todos os preparativos, ainda há tempo para relaxarmos e para nos divertirmos com os nossos amigos e amigas. A semana passada, fiz uma surpresa ao noivo e fomos jantar fora os dois para fazermos a nossa despedida de solteiros a dois. Ontem ele foi jantar com os seus amigos, o núcleo de sempre. Hoje é a minha vez, para um dia inteiro passado com as meninas. Tudo preparado pelas madrinhas. Não sei de nada, apenas quem vai e onde iremos jantar. Até lá, parece que há uma série de "atividades" preparadas. Divertido será, disso tenho a certeza!
Post agendado, pois estarei neste momento a ser raptada de casa.

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

Baby Kaipi #197

The Best of 2... das férias em Porto Covo
video

Baby Kaipi #196

The Best of 1... das férias em Porto Covo
video

Just stuff

Não temos o IKEA, mas pelo menos temos o DeBorla, que nos disponibiliza já uma grande e boa variedade de artigos para lar, passando pelos artigos indispensáveis para uma casa, como por tudo o que é decoração e que fazem com que uma casa seja bonita, atual e fresca. Pena que os preços não sejam idênticos aos do IKEA ou até mesmo “de borla”. Cada vez que vou à loja ou simplesmente abro um catálogo, online ou em casa, ficou logo com uma vontadinha de redecorar a casa e de inventar que preciso de todos aqueles bens de primeira necessidade, como uma manta, uma almofada ou uma moldura. Enfim… podemos ir olhando, folheando e sonhando.

Casamento #8

Acabo de me aperceber, ao escrever estes posts, que mudei a minha opinião / escolha acerca de muita coisa - o modelo de vestido, o véu, a lua-de-mel, o bolo (do qual ainda não falei), as flores, as alianças... E de certeza que terei mudado mais alguma coisa, eu é que agora não me lembro. O mais importante mantém-se - O Amor e O Noivo!

Casamento #7

Faltam 8 dias.
 
 
Flores... Flores... E mais flores... Nunca são demais, especialmente quando se trata de flores simples, frescas e sem grande mistura de tonalidades. Inicialmente, tinha pensado em usar tulipas brancas, mas como é complicado arranjar nesta altura do ano, rapidamente passei para pequenos jarros. A gipsofila também será uma flor predominante. Adoro, e nem sabia que é popularmente chamada como "flor de noiva". Ora então, teremos muita verdura, os jarrinhos, as gipsofilas e margaridas - tudo muito verde e branco, mesmo como gosto das flores, dando um ar fresco e jovem.

quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Casamento #6

Faltam 10 dias.
Outro assunto também muito importante a tratar são as alianças. Convém que seja de boa qualidade e que gostemos do modelo escolhido, já que é uma coisa que iremos usar todos os dias para o resto das nossas vidas. Ora bem... antes de começarmos a visitar ourivesarias, já tínhamos a nossa ideia preconcebida do que queríamos - ouro branco e escovado; no entanto, a partir do momento em que começamos a ver alianças, apercebemo-nos de que afinal o ouro branco não fica muito bonito neste tipo de alianças. Acabamos por nos decidir por um modelo muito semelhante ao da foto e estamos bem contentes com a nossa escolha. São lindas e ficam muito bem no dedo. PS - Claro que a 1ª vez que o vi com a aliança no dedo desatei a rir. Vamos ver se no dia a reação será a mesma...

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

Baby Kaipi #195

Acabo de me aperceber que, quando o Diogo tiver 18 anos, eu ainda estarei a fazer posts com o título "baby kaipi #3078". Mãe é mãe e os nossos filhos serão sempre os nossos babies.

Baby Kaipi #194

Embora o começo oficial do ano letivo seja apenas esta 4ª feira, o colégio do Diogo abriu as suas portas para a brincadeira (e maravilha) dos putos logo no início de setembro. O Diogo não foi logo no dia 1, mas entretanto já tem ido todos os dias, pois ele próprio já estava ansioso por abraçar os seus amiguinhos: "mal posso esperar por abraçar o Lourenço e o Vicente". As duas fotos abaixo espelham bem a sua alegria e felicidade às 8h30 da manhã do primeiro dia em que foi, daí também que as fotos estejam  tremidas, pois o rapaz não parava quieto.
 
05.09.2016

domingo, 11 de setembro de 2016

Casamento #5

Faltam 13 dias!
Há quem diga que apenas se casa para ir de lua-de-mel. Não é o nosso caso, mas... a típica viagem que se faz a seguir ao casamento é com certeza um grande atrativo, além de ser um merecido descanso (adivinham-se 2 semanas complicadas). Sempre tive uma ideia bem definida (se um dia me viesse a casar) de que quereria ir para um sítio de praia e descanso. Daí que tinha na mente, desde há algum tempo, Maldivas; no entanto, e depois de pensar bem, acho que se trata de um sítio com muito descanso e nada mais para fazer além de praia e... praia. Bem, eu gosto muito de praia, mas o que é em demasia também enjoa. Passando à frente, e com duas cabecinhas a pensar, começaram a surgir outros destinos: Indonésia, Vietname, Tailândia e Sri Lanka. Ganhou o último! Com um misto de praia e aventura, pareceu-nos o destino ideal. Temos 15 dias consecutivos de licença de casamento, sendo que 12 serão em viagem. Perdemos um dia na ida e regresso, fazendo Ponta Delgada - Lisboa - Frankfurt - Sri Lanka (regresso igual). Pela agência de viagens, onde fizemos a nossa lista de casamento, apenas marcamos as viagens de avião. Tudo o resto, estadias (várias), transportes, motorista, guia, visitas, etc., foi por nossa conta. Vamos já com tudo marcado e ansiosos por começar a nossa honeymoon adventure.

sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Kasa para Casa

Xiça que tem coisas giras demais! Redecorava a casa toda...

Bela vista

Há alguém por aí que possa dispensar uma ajudinha a esta pobre família? Estamos sem teto! Pronto, pronto... estou a dramatizar um pouco, mas, como estamos a retelhar a casa inteira, por alguns momentos, ficamos, assim, descapotados, mas com uma bela vista. Acho que vou pedir aos mestres para fazerem uma clarabóia gigante em vez de porem telhas. Na 1ª foto, vemos, à esquerda, a entrada para o quarto, na 2ª foto, o candeeiro do quarto e, na 3ª foto, a janela com a calha das cortinas. Tudo isto devia ter um teto+telhado por cima, mas não... em vez disso, está um lindo céu azul. Que o bom tempo se mantenha por mais algum tempo, já que convinha ter isto adiantado pronto até ao casamento.

quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Casamento #4

Faltam 16 dias.
Vamos a roupas e não só… Ainda mais prático que a noiva é o noivo. Fato já estava anteriormente comprado e apenas usado uma vez. A camisa será nova, mais fresca e mais groom appropriate, tal como a gravata e respetivo lenço. Quanto aos sapatos, a história já é outra – são sapatos que têm a sua própria história, visto que ainda têm o preço marcado em escudos, mas mantêm-se novos, de tão usados que são, not. Outra coisa decidida também muito rapidamente e com bastante antecedência foi a roupa do Diogo, que será o nosso “menino dos anéis”. Sabia que o queria com um look casual chique e não foi difícil encontrar o que queria e a bom preço. Experimentamos há pouco tempo a roupa completa e tudo lhe assenta bem. A mãe da noiva acertou no seu vestido à terceira compra, enquanto o pai foi logo à primeira. Irei ter, além do Diogo, duas meninas a acompanhar-me na entrada da igreja. Vestidos também feitos à medida, em branco, e com um pequeno lacinho a combinar com o do meu vestido. Enquanto o Diogo, muito prezadamente (espero eu), irá levar as nossas alianças, as meninas lindas irão levar um pequeno ramo, sendo que um será para oferecer a Nossa Senhora e o outro será para “mandar pelos ares” à próxima solteira casadoira.

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Casamento #3

Faltam 17 dias.
 
Uma decisão também tomada (quase) de imediato foi o local da festa. Queria evitar tendas e sair da cidade. Caso fosse num hotel, sabia em qual queria que fosse. Pesquisei muitos sítios e as suas condições e preços. Acabei por me decidir pelo meu hotel de eleição e a decisão foi logo tomada na primeira e única visita que fiz – Royal Garden Hotel, no centro da cidade e a 5 minutos de carro da igreja. Tem uma decoração de extremo bom gosto, com muitos espaços, com um jardim interior lindo, para o qual tem vista a sala onde se realizará a festa. Desde início que tenho sempre sido muito bem atendida, com enorme simpatia e disponibilidade por parte de todos os funcionários. Ementa decidida e decoração do espaço também, apenas com alguns ajustes que só poderão ser concretizados na altura. De seguida, igreja também escolhida – de construção moderna e recente, com um ambiente fresco e amplo – Igreja Nossa Senhora de Fátima. O celebrante será o padre de sempre – simpatia, compreensão e boa disposição são as palavras que o definem.

segunda-feira, 5 de setembro de 2016

Casamento #2

Faltam 19 dias.
A primeira coisa a decidir foi o vestido de noiva e, por incrível que pareça, foi coisa simples e rápida. Durante cerca de 2 meses, pesquisei tudo o que havia de vestidos na internet e "decidi" que o que me iria ficar melhor seria um vestido de corte evasé e decote em V. Sabia que não queria renda, tule ou caicai. Fui dois sábados à cidade, sempre acompanhada pela minha mãe. Entramos na 1ª loja e disse logo à menina o que queria e o que não queria. Comecei então por experimentar vários vestidos e aí começou o horror – nada me assentava bem. Por sugestão da minha mãe, experimentei um caicai que estava na montra, e não é que adorei o raio do vestido. Foi o único que me assentou bem. Nesse mesmo dia, fomos a outra loja. Vi muitos e muitos vestidos, mas não estava a gostar de nenhum, até que apareceu the one and only e experimentei-o. Corte evasé, caicai, corpete e cintura descaída, sem renda nem tule, muito simples e com um pequeno laço na cintura. E ainda com o brinde de ter bolsos! Gente, eu adoro bolsos! Foi a cereja no topo do bolo. No entanto, não me decidi, pois ainda havia mais uma loja. Na semana seguinte, fomos à outra loja, onde não vi mesmo nada que gostasse, tudo com muita renda e um pouco piroso. Nesse mesmo dia, voltámos às outras lojas, voltei a experimentar ambos os vestidos e lá acabei por me decidir pelo vestido da 2ª loja, pois, segundo a minha mãe, "é um vestido mais vestido de noiva". E assim será… vestido comprado quase com um ano de antecedência. Em junho, voltei lá apenas para ver se me servia bem e, graças a todos os santinhos, estava no corpinho. Desde então, já comprei sapatos e lingerie, peças imprescindíveis para a próxima prova – ver bainha, cortar um bom pedaço de cauda (para horror da dona da loja, mas temos pena, o vestido é meu e eu é que decido!) e fazer um pequeno ajuste no decote. 
PS- Obviamente que o vestido da foto não é The One.

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Casamento #1

Começo hoje a contagem oficial para o dia do nosso casamento - faltam 24 dias e até ao dia D irei publicando algumas curiosidades sobre o percurso desde há 1 ano atrás até ao grande dia. Ao longo do passado ano, optei por não vos ir massacrando com posts sobre o casamento, mas uma coisa vos digo "DÁ TRABALHO P'A CARAMBA!". Nunca imaginei que preparar este dia desse tanto trabalho e que houvesse tantos pormenores, que afinal não são assim tão "menores" pois dão muito trabalho e despendem de muito tempo e muita alguma paciência. No meio de toda esta preparação, o noivo diz que tem sido um “acessório”, eu digo que sou a “noiva” e tenho a última palavra, mas quem manda nisto tudo é mesmo a “mãe da noiva”, que tem sido incansável, com muitas noites de sono mal dormidas, a pensar em soluções e opções, e nisto e mais aquilo. Eu quero simplificar e ela quer complicar. Enfim… vamos-nos entendendo bem ou não fossemos mãe e filha. Thanks Mom. Forever Grateful.